You are currently viewing Quanto custa um aplicativo?

Quanto custa um aplicativo?

Quanto custa para desenvolver um aplicativo? depende. O que posso adiantar é que o valor pode ficar entre R$ 4.000,00 e R$ 100.000,00, de um aplicativo padrão. O preço vai depender dos recursos que o aplicativo terá e de outros fatores, e que o meu objetivo não é definir um padrão aqui nesse artigo e sim mostrar como algo que parece simples, pode envolver diversos itens que podem elevar o valor de um aplicativo.

Para ilustrar, vamos supor que você deseja contratar o nosso serviço para desenvolver um aplicativo para calcular o IMC (índice de massa corpórea), algo simples, já que o usuário só precisa informar o peso e altura, e o aplicativo com base em uma tabela deve informar a sua classificação: Magreza, Norma, Sobrepeso, Obesidade e Obesidade Grave. Fórmula do IMC = Peso em Quilos / (Altura x Altura, em metros).

Como o aplicativo terá as versões para Android e IOS, serão criados dois aplicativos utilizando a linguagem nativa de cada plataforma. Para Android seria utilizado o JAVA ou Kotlin, e para o IOS seria o SWIFT. Como são dois serviços diferentes, pode mais que duplicar o valor, já que cada um tem as suas dificuldades.

A boa notícia é que trabalhamos com o Flutter para criar os nossos aplicativos. Ele possibilita a escrita de um único código utilizando a linguagem Dart e a geração de um aplicativo nativo para Android e IOS. Com isso conseguimos reduzir o nosso tempo de desenvolvimento e o preço do serviço.

Continuando o processo de criação do aplicativo, você me liga para dizer que gostaria que o usuário pudesse manter um histórico do cálculo do IMC, com a data e horário, e que ele pudesse consultar quanto era o seu peso em cada cálculo realizado. Aí eu te forneço duas opções: gravar esses dados localmente, mas se o aplicativo for desinstalado ou o smartphone for formatado, vai perder esses dados, caso não tenha um backup em algum lugar. Ou gravar os dados em um serviço externo, que pode ser uma Cloud, uma VPS ou uma hospedagem compartilhada.

Você decide pela segunda opção, já que não seria legal o usuário perder o seu registro e deixar de utilizar o aplicativo, e ainda te dar uma nota ruim na loja que ele fez o download.

Para permitir o registro externo, terei que desenvolver um sistema web com a opção de criar conta, realizar o acesso, recuperar o acesso e as APIs para registro e recuperação dos cálculos de IMC do usuário conectado no aplicativo. E instalar o sistema em um serviço de hospedagem. A outra opção será utilizar um serviço de banco de dados online, que já possui esses itens prontos, precisando apenas implementar o código de cada tela do aplicativo.

Caso você opte por vender algum produto, será preciso realizar a integração com um serviço de pagamento: Rede, Yapay ou Wiridcard. São alguns disponíveis.

Eu poderia continuar com outros recursos, mas são muitos os casos, as complexidades. Isso foi só para que você tenha uma pequena ideia de que algo que parece simples, envolve várias tecnologias que não são perceptíveis. Podemos comparar com um smartphone. Quanto custa um? Vai depender dos recursos oferecidos, se é um Android ou iPhone, etc.

Itens que podem influenciar no valor de desenvolvimento do aplicativos

  • Design personalizado
  • Compras dentro do aplicativo
  • Integração com site
  • Painel administrativo
  • Mais de um idioma

Conheça o E-Book Manual do Canva

💲 Aprenda a utlizar o Canva e tenha uma renda extra ao iniciar um serviço de criação de cartão de visital digital ou de mini site para a Bio do Instagram.

Ebook Manual do Canva
https://canvadicas.top/ft-manual-do-canva

Aprenda a utilizar esta fantástica ferramenta que vai te ajudar a criar designs incríveis.

Este ebook aborda desde a criação da conta até a criação de um cartão de visitas digital e interativo, um linktree, um post para o instagram e um Stories animado. E sempre em constante atualização.

Bônus

  • Ebook – Como Fazer Post Carrossel no Canva
  • Ebook – Edição de Vídeos no Canva

Paulo Miranda

Eterno programador, formado em 1997. Empreendedor na Baruk Soft desde 2017. Estou há mais de 20 anos codificando, resolvendo problemas e criando soluções. Já participei da implantação da bilhetagem eletrônica em duas capitais. Aprendi HTML em 97, quando fiz meu primeiro site. Entrei no mundo mobile em 2001 ao criar um sistema de força de vendas no jurássico PalmOS. Aplicativos para Android desde 2012. E aplicativos para IOS só aprendi em 2015 quando trabalhei em uma startup.

Deixe um comentário