You are currently viewing Desenvolvimento de aplicativos híbridos com o Flutter

Desenvolvimento de aplicativos híbridos com o Flutter

Primeiro vamos entender o que é um aplicativo híbrido. São aplicativos móveis construídos de maneira alternativa a nativa. Enquanto os nativos são criados utilizando as linguagens indicadas para cada plataforma (Kotlin ou Java para Android, Swift para iOS), os híbridos são construídos, geralmente, utilizando HTML + CSS + JavaScript. O Flutter utiliza o a linguagem Dart.

Mas quem é esse tal de Flutter? É o SDK de aplicativos para dispositivos móveis do Google, para criar interfaces nativas de alta qualidade no iOS e Android em tempo recorde. O Flutter funciona com código existente, é usado por desenvolvedores e organizações em todo o mundo e é gratuito e de código aberto.

A primeira versão do Flutter era conhecido como “Sky” e rodava sobre o sistema operacional Android. Ele foi apresentado em 2015 em um evento sobre a linguagem Dart, com o objetivo de ser capaz de renderizar de forma consistente em 120 quadros por segundo. O Flutter como conhecemos hoje foi anunciado em 2017 na Google I/O.

Estamos acompanhando o desenvolvimento do Flutter desde julho de 2018 quando ainda estava na versão beta. A versão 1.0 só veio a ser lançada em dezembro de 2018 e estamos utilizando em nossos aplicativos desde julho desse ano.

Alguns aplicativos criados com o Flutter

O Flutter permite escrever um único código utilizando a linguagem de programação Dart, e ao gerar o aplicativo para a loja, será transformado em código nativo – compilação ahead of time (AOT). E o fato da sua interface (campos de texto, botões, cards) ser criada em tempo de execução utilizando a biblioteca de gráficos 2D de código aberto Skia, dispensa a utilização de uma “ponte” entre o código e os componentes nativos para criação das telas.

O app não precisa de uma “ponte” para criar e manter o estado das telas.

Ao escrever um único código, o ganho de produtividade para desenvolver e manter um aplicativo é enorme. Não precisamos mais nos preocupar com as particularidade de cada plataforma, ter que criar uma aplicativo para Android na linguagem Java/Kotlin e depois ter que criar as mesmas funções para IOS utilizando a linguagem Swift. E quando for preciso modificar algo, incluir uma nova funcionalidade, ter que fazer as alterações em dois códigos. Tudo isso leva tempo.

E com o objetivo de continuar oferecendo um serviço de qualidade, diminuir o tempo de entrega de um projeto e consequentemente a redução do custo desse serviço, foi que resolvemos adotar o Flutter para criar os nossos aplicativos.

Conheça o E-Book Manual do Canva

💲 Aprenda a utlizar o Canva e tenha uma renda extra ao iniciar um serviço de criação de cartão de visital digital ou de mini site para a Bio do Instagram.

Ebook Manual do Canva
https://canvadicas.top/ft-manual-do-canva

Aprenda a utilizar esta fantástica ferramenta que vai te ajudar a criar designs incríveis.

Este ebook aborda desde a criação da conta até a criação de um cartão de visitas digital e interativo, um linktree, um post para o instagram e um Stories animado. E sempre em constante atualização.

Paulo Miranda

Eterno programador, formado em 1997. Empreendedor na Baruk Soft desde 2017. Estou há mais de 20 anos codificando, resolvendo problemas e criando soluções. Já participei da implantação da bilhetagem eletrônica em duas capitais. Aprendi HTML em 97, quando fiz meu primeiro site. Entrei no mundo mobile em 2001 ao criar um sistema de força de vendas no jurássico PalmOS. Aplicativos para Android desde 2012. E aplicativos para IOS só aprendi em 2015 quando trabalhei em uma startup.

Deixe um comentário