You are currently viewing Como legendar um vídeo usando o Canva – Modo Fácil

Como legendar um vídeo usando o Canva – Modo Fácil

Em julho eu criei um post ensinando a legendar um vídeo usando o Canva, e na época comentei que ainda não existia uma timeline para facilitar o processo.

E pouco tempo depois o Canva lançou o novo editor de vídeos com o recurso de… timeline. E com a correria do dia a dia, só agora estou criando um post ensinando a criar um vídeo legendado no novo editor de vídeos do Canva.

Vou utilizar o mesmo vídeo da dica anterior.

Aprenda a legendar um vídeo utilizando o novo editor de vídeos do Canva

Crie um projeto do tipo vídeo

Nesse exemplo será no formato de vídeo para youtube, mas você pode utilizar essa dica para legendar qualquer tipo de vídeo: Stories, Tik Tok, Reels.

Faça o upload do vídeo

Estou usando um vídeo que baixei e juntei com um áudio que narrei para esse exemplo.

Faça o primeiro corte

Escute até o trecho que deseja legenda. Não deixe o tempo muito longo para não ficar com muito texto de uma única vez.

Pause e utilize a opção de Dividir o vídeo. Pode ser com o botão direito do mouse ou clicando no botão dos três pontinhos no canto superior direito da timeline.

Como legendar um vídeo usando o Canva - dividir imagem

Inclua um elemento de texto no primeiro trecho

Clique no primeiro trecho do vídeo na timeline para selecionado (será exibido na página, na parte de cima) e insira o elemento de texto.

Transcreva o áudio do primeiro trecho

Digite no elemento de texto inserido o que foi dito no vídeo e em seguida posicione e formate para que não tenha problema de contraste.

Para que a legenda não desapareça por conta de uma mesma cor existente no vídeo, utilize o efeito de sombra. Deixe a transparência e distância com o valor 100.

Geralmente a cor da legenda é amarelo. E a sombra da legenda deixe na cor preta.

Corte o segundo trecho

Escute novamente até o ponto desejado e utilize a opção de dividir o texto.

Copie a legenda do primeiro trecho e cole no segundo trecho. Em seguida transcreva o áudio.

Repita o processo para legendar todo o vídeo

Corte cada parte que será legendada, sempre copiando o texto de outro trecho.

Esse será o resultado do processo de legendar um vídeo utilizando apenas o Canva.

Como legendar um vídeo usando o Canva  - resultado

Salve o vídeo legendado no Canva

Clique na opção de Baixar, mantenha o formato MP4 e todas as páginas. Em seguida clique no botão Baixar.

Como legendar um vídeo usando o Canva - Salvando o víceo

Confira também

A dica que eu tinha criado para legendar um vídeo utilizando o Canva quando nem existia o novo editor de vídeos, não exista timeline nem opção de dividir vídeo. E o artigo mostrando como funciona o novo editor de vídeos do Canva.

Dica para otimizar o processo de legendar o vídeo.

Para pausar no final do tempo que irá dividir o vídeo, pressione a tecla barra de espaço. Clique no botão de player com o mouse e barra de espaço para pausar o vídeo.

Conheça o E-Book Manual do Canva

💲 Aprenda a utlizar o Canva e tenha uma renda extra ao iniciar um serviço de criação de cartão de visital digital ou de mini site para a Bio do Instagram.

Ebook Manual do Canva
https://canvadicas.top/ft-manual-do-canva

Aprenda a utilizar esta fantástica ferramenta que vai te ajudar a criar designs incríveis.

Este ebook aborda desde a criação da conta até a criação de um cartão de visitas digital e interativo, um linktree, um post para o instagram e um Stories animado. E sempre em constante atualização.

Bônus

  • Ebook – Como Fazer Post Carrossel no Canva
  • Ebook – Edição de Vídeos no Canva

Paulo Miranda

Eterno programador, formado em 1997. Empreendedor na Baruk Soft desde 2017. Estou há mais de 20 anos codificando, resolvendo problemas e criando soluções. Já participei da implantação da bilhetagem eletrônica em duas capitais. Aprendi HTML em 97, quando fiz meu primeiro site. Entrei no mundo mobile em 2001 ao criar um sistema de força de vendas no jurássico PalmOS. Aplicativos para Android desde 2012. E aplicativos para IOS só aprendi em 2015 quando trabalhei em uma startup.

Deixe um comentário